CAB retoma programa Portas Abertas

Parceria com Secretaria Municipal de Educação leva alunos das instituições públicas de ensino para conhecer o processo de tratamento da água e a importância da preservação.

por Redação JB Litoral
04/04/2014 00:00 (Última atualização: 04/04/2014)

NULL

A CAB Águas de Paranaguá retomou este mês o programa Portas Abertas. A parceria com a Secretaria Municipal de Educação leva alunos das instituições públicas de ensino da região para conhecer o processo de tratamento da água e esgoto do município e a importância da preservação. Em 2013, foram realizadas cerca de 16 visitas às estações de tratamento de água ETA Colônia e de esgoto ETE Emboguaçu, com mais de 320 participantes, entre crianças, jovens e adultos.

Durante o encontro na ETA Colônia, por exemplo, os visitantes recebem dicas de uso consciente da água, os benefícios da água potável para a saúde da população e a importância da preservação dos rios. Além disso, conhecem o processo de tratamento da água na estação de tratamento, por meio de um painel ilustrativo, e ainda percorrem a estrutura, para entender na prática o que acontece na teoria. Eles ainda podem tirar dúvidas sobre o processo. No final da visita, recebem ainda um material didático explicativo.

Sergio Bovo, gerente-geral da CAB Águas de Paranaguá, ressalta a importância do programa. “Grande parte dos visitantes não tem ideia de que a água ou o esgoto passam por tantas etapas para serem tratados. Compartilhar todas as informações desses processos é importante para desenvolver a consciência ambiental desde cedo nos jovens, além de estimular a levar ideias de consumo consciente para dentro de casa”, considera.

A proposta de despertar essa consciência ambiental nas novas gerações surgiu em 2010 com visitas à ETA Colônia, mas o programa estendeu as visitas à também para a ETE Emboguaçu. Uso racional da água, dicas de consumo consciente, descarte correto de lixo e importância da preservação do meio ambiente e dos rios também são transmitidos.

As visitas acontecem todas as quartas-feiras, das 14 às 15h30.

Sistemas – Cerca de 30 milhões de litros de água são tratados diariamente pela CAB Águas de Paranaguá, o que resulta em mais de 11 bilhões de litros distribuídos a cada ano ao consumidor parnanguara. O sistema de abastecimento do município inclui unidades de captação, adução, tratamento, reservação e distribuição.

A ETA Colônia é umas das quatro estações de tratamento de água de Paranaguá e recebeu investimentos de R$ 15 milhões para readequar a estrutura após as chuvas de março de 2011, que alteraram completamente as características da água captada na Serra. Ela dispõe dos mais modernos equipamentos tecnológicos para verificação on-line, à distância, da qualidade da água bruta, tratada e distribuída, além do controle de produtos químicos utilizados no tratamento da água distribuída. Seu laboratório realiza mais de nove mil análises mensais, que atestam a qualidade da água rigorosamente dentro das normas do Ministério da Saúde e Conama.

Já a ETE Emboguaçu é a maior estação do município e integra as estações de tratamento Nilson Neves e Samambaia. Com tecnologia alemã de última geração, trata, por meio do processo biológico de lodo ativado, os efluentes domésticos de mais de 60 mil moradores do Centro Histórico, Vila Itiberê, Estradinha, Ponta do Caju, Emboguaçu, Jardim Araçá, Vila Becker, Vila Guadalupe, Área Portuária e da região do Canal Anhaia.

Deixe um comentário