Caminhoneiros seguem mobilizados no 3º dia de protestos. Cidades no Paraná poderão ficar sem combustíveis

por Redação JB Litoral
23/05/2018 13:54 (Última atualização: 23/05/2018)

Ninguém tem qualquer dúvida da força dos caminhoneiros na questão do giro econômico no País. O protesto da classe contra o aumento do diesel chega ao 3º dia. Segundo a Polícia Rodoviária Federal – PRF-PR, durante a manhã desta quarta-feira havia 36 manifestações nas estradas que cortam o Paraná.

A Advocacia Feral da União – AGU, por meio de pedido da PRF, conseguiu uma liminar que proíbe os bloqueios totais de rodovias pelos caminhoneiros, com multa de R$100 mil por hora. Por conta disso não há interdições totais dos trajetos.

Já são quatro interdições que fecham meia pista: Na BR-277 no KM 6, em Paranaguá, na BR-376, no KM 158, em Mandaguaçu, no KM 189, em Marialva, e no KM 213 em Mandaguari. Nas rodovias estaduais também existem protestos. Confira a tabela divulgada pela PRF:

Caminhoneiros seguem mobilizados no 3º dia de protestos. Cidades no Paraná poderão ficar sem combustíveis 4

Postos estão sem combustíveis. Em Ponta Grossa a gasolina pode acabar hoje (23)

Vários postos no Paraná localizados nas estradas já anunciam que estão com pouco combustíveis. Nas cidades de Itaperuçu e Rio Branco do Sul, na Rodovia dos Minérios, os postos estão ficando desabastecidos devido a manifestação e falta de distribuição. As empresas de ônibus em Curitiba anunciaram que a partir de amanhã (24), parte do transporte público na capital poderá parar pelo mesmo motivo. O alerta foi enviado em nota pelo Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo (Setransp), divulgado no fim da manhã desta quarta-feira.

CONTINUA DEPOIS DO ANÚNCIO

Caminhoneiros seguem mobilizados no 3º dia de protestos. Cidades no Paraná poderão ficar sem combustíveis 5

Em Ponta Grossa, segundo o jornal Diário dos Campos (conforme foto), os motoristas lotam os postos de combustíveis desde as primeiras horas da manhã desta quarta-feira (23) para tentar manter seus veículos abastecidos. Em todos os postos que ainda têm gasolina e etanol, as filas são intermináveis. Por causa do repentino aumento na procura, a expectativa é que a cidade fique sem combustível já nesta quarta, até o fim da tarde. O mesmo, deverá ocorrer em outras cidades do interior do Paraná.

 

Fotos: PRF e Diário dos Campos

Deixe um comentário