Crianças de cinco anos poderão receber ivermectina em Paranaguá

por Redação JB Litoral
03/08/2020 14:20 (Última atualização: 03/08/2020)

Crianças e adolescentes menores de 16 anos precisam estar acompanhados dos pais ou por um responsável legal.

A Secretaria Municipal de Saúde de Paranaguá (Semsa) alterou a idade para os pacientes outros comecem a receber a ivermectina. A partir desta segunda-feira (03), crianças acima dos cinco anos e com mais de 15 quilos também poderão entrar no cadastro da Semsa e conseguir a prescrição do medicamento.

Contudo, crianças e adolescentes menores de 16 anos precisam estar acompanhados dos pais ou por um responsável legal. Os documentos para a retirada do remédio continuam sendo os mesmo como a identidade, CPF, Cartão do SUS e o comprovante de residência em Paranaguá.

A Semsa afirma que, independentemente da idade, a pessoa que vai receber a medicação esteja presente, pois é realizada uma triagem com profissionais de saúde como a verificação de temperatura, oximetria, pesagem e averiguações individuais do paciente. Após a triagem, um médico vai avaliar as informações e com isso prescrever a medicação. Um termo de consentimento deverá ser assinado e só assim, a pessoa vai poder levar a ivermectina pra casa, de acordo com seu quadro clínico.

Os profissionais de saúde alertam ainda que gestantes, lactentes, e outros indivíduos que tiveram meningite não devem fazer uso do medicamento, assim como aqueles que tem alergia a algum dos componentes da fórmula, que deverá ser detectado na triagem com o médico.

DISTRIBUIÇÃO

A prefeitura de Paranaguá descentralizou o atendimento e colocou à disposição da população cinco postos de distribuição: Arena Albertina Salmon, Ginásio João Hélio Alves no Jardim Esperança, Praça Ciro Abalem na Ilha dos Valadares, Céu das Artes no Jardim Iguaçu ou Subprefeitura no Nilson Neves. O horário de atendimentos nestes locais é das 8h às 18h com entrega de senhas até às 16h

ATENDIMENTO PARA COVID-19

Além disso, pessoas com sintomas ou confirmadas para a Covid-19, não devem procurar os pontos de distribuição. A Semsa esclarece que existem três locais de referência para atendimento nesses casos, sendo o Hospital de Campanha, a Unidade de Saúde da Serraria do Rocha e a Unidade de Saúde Rodrigo Gomes, na Ilha dos Valadares.

Com informações da Prefeitura de Paranaguá

Deixe um comentário