8ª Festa do Fandango Caiçara de Paranaguá acontece em agosto na Ilha dos Valadares

0
163
Ilha dos Valadares será palco do Fandango nacional. Foto/Divulgação

Encontro cultural ocorrerá nos dias 18, 19 e 20 na Praça Cyro Abalem com oficinas na Casa do Fandango Mestre Eugênio, Salão Mangue Seco, na Associação Mandicuera e na casa dos Mestres Fandangueiros

 

O evento reúne os grupos de Fandango Caiçara da cidade, além de receber grupos de Guaraqueçaba (PR), Superagui (PR), Cananéia (SP), Iguape (SP), Ubatuba (SP) e Parati (RJ). A programação inclui apresentações e bailes de Fandango, atrações culinárias, oficinas e debates a respeito da salvaguarda do Fandango Caiçara.

O evento, que foi realizado pela primeira vez em 2002, faz parte do Calendário Oficial do Município e reunirá muitos entusiastas da cultura caiçara. São esperados centenas de turistas que virão de diversas cidades do Paraná e de outros estados para participar da celebração.

A festa será realizada na Ilha de Valadares, que é onde estão os quatro grupos de Fandango de Paranaguá. O ponto central é a Praça Cyro Abalem que fica na entrada da Ilha, mas também haverá oficinas na Casa do Fandango Mestre Eugênio, no Salão Mangue Seco, na Associação Mandicuera e na casa dos Mestres Fandangueiros. O evento é organizado por um comitê formado pelos próprios grupos de Fandango, em conjunto com docentes da Universidade Federal do Paraná (UFPR) e Instituto Federal do Paraná (IFPR). A Prefeitura de Paranaguá, a Secretaria Estadual de Cultura e o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) também contribuem com a promoção da festa.

Com realização da Bambaê Produções, a 8ª Festa do Fandango Caiçara de Paranaguá conta com a participação dos grupos de Fandango, Mestre Romão, Mandicuera, Pés de Ouro e Ilha dos Valadares. Além da prefeitura, UFPR, IFPR, o evento conta ainda com o apoio do Instituto Federal de Educação do Paraná (IFE/PR) e do Projeto Oh de Casa do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) e dos Ministérios da Cultura e Educação (MINC/MEC). Foram convidados, também, os grupos de Fandango Manema de Iguape (SP), Cirandeiro de Parati (RJ), Fandango Caiçara de Ubatuba (SP), Raízes Fandangueiras do Superagui (PR) e Fandanguará de Guaraqueçaba (PR).

 

Objetivos da Ação

 

De acordo com os promotores do evento, a finalidade principal é a de promover o intercâmbio entre grupos desta dança artística e fandangueiros das localidades com incidência do Fandango Caiçara, propondo ações afirmativas na continuidade desta expressão, além de evidenciar a diversidade e a vitalidade do fandango, como uma manifestação cultural viva entre comunidades caiçaras.

O fortalecimento do contato e a cooperação entre os diversos grupos e instituições, em ações voltadas ao fomento e à salvaguarda da cultura caiçara, também é um dos objetivos desta 8ª Festa, assim como o de dar maior visibilidade para os potenciais turísticos e econômicos do município, em especial aos aspectos culturais e ambientais com vistas a agregar à organização do município os benefícios de um turismo sustentável e de uma economia criativa.

Comentários e Opiniões

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here