Escola municipal, no Jardim Samambaia, é arrombada e tem televisão furtada

por Luiza Rampelotti
31/03/2020 18:40 (Última atualização: 31/03/2020)

A grade da janela foi arrombada. Foto: Reprodução/Facebook

Nem mesmo durante a pandemia do novo coronavírus (Covid-19) prédios públicos deixaram de ser furtados, em Paranaguá. Nesta terça-feira (31), mais uma escola municipal foi arrombada e sofreu o furto de uma televisão.

Desde fevereiro, o JB Litoral já noticiou algumas invasões, cobrando, do Poder Público, efetiva fiscalização e segurança nos prédios municipais, que recebem o serviço de vigilância da empresa LPE Comércio e Importação LTDA, de Curitiba.

A mais recente, nesta terça-feira, aconteceu na Escola Municipal Professora Edinéa Marize Marques Garcia, no Jardim Samambaia. Por meio das fotos compartilhadas nas redes sociais, é possível observar que a invasão ocorreu por meio de um arrombamento no portão e nas grades da janela, que teve seu vidro quebrado.

Na publicação realizada pelo morador Celso Luiz Johnsson, que afirma que a escola já havia sido arrombada antes e que teve o muro aumentado para três metros de altura, internautas questionam a ausência da Guarda Civil Municipal (GCM) e de cerca elétrica como forma de segurança.

Procurada pelo JB Litoral, a prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Ensino, informa que a escola sofreu o furto de uma televisão. “A instituição de ensino possui alarme e a empresa responsável pelo monitoramento já foi notificada e solicitado o ressarcimento do prejuízo. Os danos sofridos no portão e grades estão sendo consertados”, diz.

A reportagem questionou, ainda, de que forma a Secretaria Municipal de Segurança está agindo nessas situações, uma vez que já ocorreram vários furtos aos prédios municipais neste ano. No entanto, a pergunta não teve resposta.