Escolas municipais terão mais segurança com câmeras de vigilância

por Redação JB Litoral
23/10/2013 00:00 (Última atualização: 23/10/2013)

NULL

A segurança pública é um dos clamores da sociedade civil organizada, mas cada poder, seja municipal, estadual ou federal, tem suas responsabilidades. O policiamento ostensivo, por exemplo, é uma responsabilidade da Polícia Militar, corporação do Estado.

Já a responsabilidade sobre o patrimônio público cabe a cada município. Em Paranaguá, a Prefeitura vem fazendo o dever de casa. Para dar mais segurança a pais, professores e alunos, já está em estudo e fase de conclusão o projeto que vai garantir um monitoramento com câmeras constante nas escolas municipais e centros municipais de educação infantil de toda a cidade.

A discussão sobre o tema começou na Ilha dos Valadares. O vereador Jacizinho reuniu a comunidade para debater sobre a segurança nas escolas e está dando prosseguimento para discutir sobre soluções de ações que reduzam a criminalidade no entorno destes espaços. 

Buscando ajuda do Poder público, encontrou no secretário de Segurança Pública, Cícero Fernandes, e no secretário de Educação, Pedro William Mattar Cecy, o apoio necessário para dar os primeiros passos.

Com o aval do prefeito de Paranaguá, Edison de Oliveira Kersten, não serão só as escolas e creches da Ilha dos Valadares, mas de toda a cidade que estarão atendidas com câmeras de vigilância para ampliar a segurança na cidade. “A ideia é boa e devemos ampliar para toda a cidade. Dessa maneira vamos garantir mais segurança para milhares de pais e mães, vovós e vovôs, além dos próprios professores, coordenadores e estagiários que trabalham nas escolas e centros municipais. E vamos trabalhar para que em 2014, nossas crianças estejam mais protegidas”, garantiu o prefeito Edison ao vereador Jacizinho durante encontro realizado no gabinete do próprio prefeito.

Projeto
A Prefeitura de Paranaguá possui uma central de monitoramento e o secretário de Segurança informou que já foi iniciado um processo de licitação para compra de câmeras para cinco novos locais da cidade, que são o Santuário do Rocio, Aeroparque, Passarela da Ilha dos Valadares, Praça 29 de Julho e Prefeitura de Paranaguá, que vai abranger ainda a Praça dos Leões. Este processo já começou com recursos da própria Secretaria. 

Os guardas municipais farão treinamento e o controle da central de monitoramento.

Na sequência, a Secretaria de Educação, fará processo licitatório para a compra das câmeras para as escolas e centros municipais.

“Vamos usar os recursos da tecnologia a favor da população”, reforçou Cícero Fernandes. Ele explica que a Guarda Municipal poderá ser acionada, assim como a Polícia Militar, por meio das câmeras de segurança instaladas nos próprios públicos. “Se houver um arrombamento e a viatura não chegar a tempo, nós teremos a imagem da pessoa gravada nas câmeras de segurança”, lembrou Fernandes.

O sistema vai funcionar como um fator inibidor. Para o vereador Jacizinho a idéia de estender para as demais escolas da cidade é excelente. “Nós temos esse canal de comunicação com a atual administração e estamos buscando manter esses contatos com o objetivo de atender a população de Paranaguá”, explicou o vereador Jacizinho.

O processo da compra dos equipamentos pela Educação está na etapa de orçamento. 

Deixe um comentário