Fluxo intenso na BR-277 rumo às praias do litoral parananense

Quase 27 mil veículos devem seguir rumo às praias nesta sexta-feira (26)

por Redação JB Litoral
26/12/2014 11:00 (Última atualização: 26/12/2014)

NULL

O tráfego em direção ao litoral paranaense nesta manhã foi intenso na BR-277. A Ecovia, concessionária que administra o trecho entre Curitiba e o litoral do Estado, estima que quase 27 mil veículos sigam rumo às praias nesta sexta-feira (24). Para o sentido Curitiba, o fluxo previsto é de pouco mais de 8 mil veículos.

Até o fechamento deste boletim, o horário de maior movimento se concentrou entre 10h e 12h, quando foram registrados picos de 2 mil carros/hora, No período da tarde, entre 14h e 19h, existe a possibilidade de haver picos de pouco mais de 2,3 mil carros/hora.

Segundo o gerente de Atendimento ao Usuário, Marcelo Belão, a Ecovia contará com recursos extras durante a temporada. “Nos dias de maior movimento entre o Natal e Ano-Novo, teremos mais ambulâncias, carros operacionais, guinchos leves e pesados disponíveis na rodovia”.

Obras

Para garantir ainda mais fluidez aos usuários, durante a temporada não serão realizadas obras com interferências no tráfego, no trecho entre Curitiba e o litoral paranaense, exceto em situações emergenciais. Na PR-407, rodovia que está com projeto de duplicação, as obras acontecerão nas marginais da pista, porém com um volume extremamente reduzido de veículos nos locais.

Sobre a Ecovia

A Ecovia é uma empresa o Grupo Ecorodovias. No Paraná é responsável pela operação e manutenção da BR-277 – rodovia de grande importância comercial e turística na Região Sul, por ligar Curitiba ao Porto de Paranaguá, numa extensão de 84 quilômetros em pista dupla, além dos segmentos rodoviários PR-508 (Alexandra-Matinhos) e PR-407 (Pontal do Paraná). A empresa também presta manutenção nas rodovias de oferta que ligam a BR-277 às cidades de Morretes e Antonina. A Ecovia oferece ainda os Serviços de Atendimento ao Usuário (SAU) nos km 35 e 11 (sentido Paranaguá) e km 61,2 (sentido Curitiba) onde há banheiro, fraldário, café, água e telefone público.

Deixe um comentário