Formando Cidadão voltará às salas de aula em breve

Projeto é fruto de uma parceria entre o Governo do Estado, através da Polícia Militar com a Prefeitura, por intermédio das secretarias municipais.

por Redação JB Litoral
25/08/2013 00:00 (Última atualização: 25/08/2013)

NULL

O Projeto Formando Cidadão, que visa beneficiar jovens em situação de risco, fruto de uma parceria entre o Governo do Estado, através da Polícia Militar e a Prefeitura, por intermédio das secretarias municipais, voltará em breve para as salas de aula.

De acordo com o Tenente Coronel Prates, comandante do 9º BPM, “com as estruturas do Governo do Estado, da Polícia Militar e da Prefeitura poderemos identificar esses menores que estão em situação de risco, para assim ajudá-los, colocá-los na rede de proteção através de um trabalho social e no final deste programa o menor será colocado no mercado de trabalho e com renda para auxiliar no sustento da família”.

Com a volta do projeto nas escolas de Paranaguá também há a intenção de afastar o jovem e o menor da marginalidade.

O Comandante da Policia Militar na cidade salientou que foi enviado um ofício ao prefeito Edison de Oliveira Kersten para a participação do Poder Público Municipal no Formando Cidadão.

“O envolvimento da Prefeitura está sendo fantástico. Todo o processo do projeto está sendo lapidado, pois o Formando Cidadão não é apenas da Polícia Militar e sim de toda a população. Já estamos em condições de formar as primeiras turmas para dar uma melhor qualidade de vida aos menores de idade e aos jovens”, explica o comandante.

Conforme explicação de Prates, existem diversas características como prostituição infantil, varrição de produtos na área portuária, problemas com uso de drogas, para inserção no Projeto Formando Cidadão.

“Devemos dar um grande abraço nesses menores e jovens, uma proteção para que haja um futuro melhor para essas pessoas”, salienta Prates. “Esse não é um trabalho que a polícia faz sozinha, tem que contar com o apoio de toda a sociedade para que eles possam se tornar pessoas melhores”, continuou.

No Formando Cidadão as ações sócio-educativas irão beneficiar esse jovens, com uma atuação no contraturno escolar, ensinando uma profissão, tentando inserção no mercado de trabalho.

“Estaremos realizando um resgate institucional desses jovens, e restabelecendo um programa que fez muito bem no passado e assim teremos um futuro melhor”, finalizou o comandante do 9º BPM.

Deixe um comentário