Fundesportes gasta em diárias, quase o dobro que Cultura e Turismo juntas em 2016

O Presidente Darlan Silva gastou o mesmo valor de diárias em Guaratuba que o Presidente da Fumtur Luiz Fernando, em Foz do Iguaçu.

por Redação JB Litoral
20/09/2016 13:09 (Última atualização: 20/09/2016)

NULL

Foto: JB

Faltando três meses e meio para encerrar a atual gestão, um levantamento realizado pelo JB, no Portal da Transparência da Prefeitura de Paranaguá, mostrou que as três fundações municipais já gastaram um total de R$ 52.417,84 em diárias, neste ano.  Deste total, a Fundação Municipal de Esportes (Fundesportes), presidida por Darlan Janes Macedo Silva gastou R$ 33.368,12 (Clique para ver a imagem), quase o dobro do que foi utilizado pela Fundação Municipal de Cultura (Fumcul), presidida por Olga Maria e Castro e Fundação Municipal de Turismo (Fumtur), comandado por Christiano Maia Aichinger.

Os números mostram que, de março a agosto deste ano, a Fumcul, foi a entidade que menos gastou em diárias, totalizando apenas R$ 5.223,12 (Clique para ver a imagem) e a Fumtur que, em tese, deveria ter o maior volume de recursos gastos em razão da necessidade de divulgar a cidade no país, gastou um total de R$ 13.826,60 (Clique para ver a imagem). diárias.  
 

Fundesportes gasta em diárias, quase o dobro que Cultura e Turismo juntas em 2016 2

Entre estas diárias consta a participação do então Presidente Luiz Fernando Gaspari de Oliveira Lima no 11º Festival de Turismo das Cataratas, realizado em Foz do Iguaçu nos dias 15, 16 e 17 de junho, distante mais de 600 quilômetros de Paranaguá, onde gastou R$ 1.329,43 em

Por outro lado, a Fundesportes sozinha utilizou R$ 33.368,12, quase o dobro de diárias das duas fundações, que totalizaram R$ 19.049,72, pouco mais de 63% do total das três fundações. Em meio a estas diárias, consta a participação do Presidente Darlan Silva nos Jogos Abertos do Paraná, realizado nos dias 10,11 e 12 de junho na vizinha cidade de Guaratuba, distante apenas 59 quilômetros de Paranaguá, onde gastou R$ 1.329,43 em diárias. Ou seja, o mesmo valor gasto por Luiz Fernando com diárias em Foz do Iguaçu.

Por sua vez, quando exercia a presidência da Fumcul, Maria Angélica Lobo Leomil, despendeu uma diária de R$ 443,13 para uma viagem à Cananéia, em São Paulo, onde participou de reunião preparatória para o IIIº Encontro de Fandango. Ou seja, o valor gasto em uma diária para fora do Estado foi o mesmo que o Presidente Darlan Silva utilizou para uma viagem no perímetro do litoral.

Nesta semana, a reportagem do JB irá procurar a prefeitura para saber o custo das diárias nas três fundações e os critérios de valores pagos, levando em conta o itinerário e a logística da viagem.

 

 

    

Deixe um comentário