Homem assassinado com golpes de facão teve órgão genital decepado

por Redação JB Litoral
08/05/2020 14:02 (Última atualização: 08/05/2020)

Um crime bárbaro foi registrado na Ilha dos Valadares, em Paranaguá, na madrugada desta sexta-feira, 8. Claudemir Squenine, de 45 anos, foi assassinado com golpes de facão. Ele ainda foi encontrado com vida pela esposa e informou que o autor das agressões seria o filho dela, Anthony do Rosário Ferreira, de 26 anos, que fugiu após o crime e ainda não foi localizado.

Homem assassinado com golpes de facão teve órgão genital decepado 2
Vítima foi agredida dentro de uma casa e arrastada para o local onde acabou morrendo
Homem assassinado com golpes de facão teve órgão genital decepado 3
Claudemir foi encontrado com vida, mas não resistiu

A Central de Operações da PM acionou as equipes policiais para se deslocarem ao local, após informações repassadas moradores, de que na Rua Natanael Cora, nas imediações da localidade conhecida como Beco do Óleo, Vila Itiberê, havia um homem caído em um terreno vazio.

De imediato os militares se deslocaram para o local e populares indicaram onde estava Claudemir, o qual foi encontrado sem vida. Durante o atendimento, os policiais conversaram com a esposa dele e ela informou que o suspeito do crime seria filho Anthony.

A mulher relatou que estava dormindo, quando ouviu um barulho na casa que fica no mesmo terreno e onde estavam Claudemir e o enteado. Ela disse que ao questionar Anthony sobre a situação, o rapaz teria dito apenas para ela ir dormir.

A mulher contou que momentos depois, ao sair para verificar o que estava acontecendo percebeu um rastro no chão e, ao segui-lo, chegou até Claudemir. O homem foi encontrado caído, bastante ferido, mas se encontrava consciente e teria informado para ela que o autor da agressão seria Anthony, que, após o crime, pegou uma mochila e fugiu.

CONTINUA DEPOIS DO ANÚNCIO

Homem assassinado com golpes de facão teve órgão genital decepado 4
Anthony fugiu após o crime e ainda está sendo procurado

Devido a gravidade dos ferimentos, Claudemir acabou entrando em óbito antes da chegada do Samu e, após a perícia criminal, o corpo foi recolhido pelo Instituto Médico Legal (IML) de Paranaguá para exames complementares. Durante as análises é que teria sido constatado que a vítima teve o órgão genital decepado.

Uma equipe da Polícia Civil de Paranaguá também foi ao local do crime em busca de informações para dar início às investigações e, durante as diligências, foi apurado que a vítima foi agredida dentro de casa. Até o encerramento desta matéria, ainda não se tinha notícias do suspeito, que tem antecedentes criminais.

O sepultamento de Claudemir está programado para as 17h30 desta sexta-feira, 8, no cemitério São Francisco, na Ilha dos Valadares.