Homem é preso depois de matar a namorada e ferir a sogra a facadas

por Redação JB Litoral
30/05/2018 22:10 (Última atualização: 21/01/2019)

Adriano Lima de Araújo, de 28 anos, foi preso na tarde desta quarta-feira, 30, depois de matar a namorada a facadas e esfaquear a mãe dela, no bairro Costeira, em Paranaguá. O rapaz foi detido com a ajuda de populares, que, revoltados com a situação, agrediram ele.

Isabele Garcia Arnaldo, de 16 anos, e Rosi Garcia, de 41, foram esfaqueadas dentro de casa. A menor não resistiu aos ferimentos e entrou em óbito no local, enquanto a mãe foi socorrida pelo Samu e encaminhada ao Hospital Regional do Litoral, onde permanece internada.

Homem é preso depois de matar a namorada e ferir a sogra a facadas 4

Levado à 1.ª Subdivisão Policial de Paranaguá, Adriano foi autuado pelos crimes de homicídio qualificado e tentativa de homicídio, permanecendo recolhido no setor de carceragem local à disposição da Justiça.

Segundo o que foi apurado pela polícia, há três anos Adriano namorava Isabele e há um ano estavam morando juntos, na localidade de Tagaçaba, município de Guaraqueçaba.

Após um desentendimento por questões passionais, a garota teria ido passar uns dias na casa da tia, onde o crime ocorreu.

Homem é preso depois de matar a namorada e ferir a sogra a facadas 5

CRIME

Conforme a ocorrência, por volta das 14h45, uma equipe da Polícia Militar foi acionada para dar atendimento a uma ocorrência de lesão corporal na Rua Theodorico dos Santos. Segundo o solicitante, um homem havia sido detido duas quadras do local do crime, por lesionar duas mulheres com uma faca.

CONTINUA DEPOIS DO ANÚNCIO

Ao chegarem, os militares encontraram Adriano detido por populares e com escoriações múltiplas no corpo devido as agressões que sofreu. Em seguida, os policiais foram até o local do crime e encontraram as vítimas feridas com golpes de faca.

Equipes do Corpo de Bombeiros e Samu também se deslocaram em atendimento à ocorrência, sendo verificado que Isabele se encontrava caída no chão da cozinha, com perfurações no tórax e pescoço, já em óbito. Rosi foi encontrada bastante ferida e encaminhada para a unidade de saúde.

Durante as diligências, os policiais encontraram um homem que estava trabalhando nos fundos da residência e que foi testemunha do crime. Ele contou que visualizou quando o suspeito entrou na moradia e fechou a porta de trás. Segundo o homem, instantes depois ouviu gritos de socorro e foi verificar o que estava acontecendo e se deparou com Adriano agredindo Isabele com uma faca grande.

O homem contou que ao tentar intervir o autor o ameaçou com a faca e, em seguida, tentou fugir com uma motocicleta e, posteriormente, saiu correndo, até ser alcançando por populares. Os policiais encontraram a faca na área da frente da residência e, a encaminharam à delegacia, junto com a motocicleta e o autor do crime, o qual, antes de ser apresentado à autoridade policial, foi medicado na UPA (Unidade de Pronto Atendimento).

COCAÍNA

Durante a revista no suspeito, os militares encontraram, no seu bolso, uma bucha contendo 4,3 gramas de cocaína. Por causa disso, ele ainda irá responder a Termo Circunstanciado (TC) por porte de entorpecente.

 

Deixe um comentário