IAP divulga primeiros boletins de balneabilidade da temporada de verão

Nos mais de 90 quilômetros de orla serão monitorados 47 pontos, sendo seis deles na Ilha do Mel

por Redação JB Litoral
11/12/2014 18:00 (Última atualização: 11/12/2014)

NULL

O Instituto Ambiental do Paraná (IAP) divulgou nesta quinta-feira (11) os primeiros boletins de balneabilidade do Verão Paraná, que será lançado pelo Governo do Estado no próximo dia 18 (quinta-feira). Os índices serão divulgados todas as quintas-feiras.

O monitoramento da qualidade da água no Litoral, Costa Oeste e Norte do Estado é realizado desde a criação do órgão ambiental e avalia a concentração de bactérias Escherichia coli (E.coli) na água, que possibilita a verificação da contaminação por esgoto sanitário, de acordo com os padrões estabelecidos pelo Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama).

Nos mais de 90 quilômetros de orla serão monitorados 47 pontos, sendo seis deles na Ilha do Mel. Já no Interior serão monitorados 16 locais da Costa Oeste, considerando praias artificiais no lago da represa de Itaipu, e outro ponto no terminal turístico no Rio Paranapanema, no norte do Estado.

RESULTADOS – Os primeiros boletins mostram que em toda orla paranaense apenas a Ponta da Pita, em Antonina, está considerada como imprópria para banho. Já no Interior todos os locais monitorados pelo órgão estão próprios para banho.

Na divulgação feita pelo IAP é possível ver o primeiro boletim feito pelo órgão e que é usado como referência, ou seja, a soma das primeiras cinco análises semanais e consecutivas. “A realização de amostragens e análise de água dos pontos é feita a partir do início de novembro para saber se a qualidade de água é própria ou imprópria para banho conforme estabelecido pelo Conama. O primeiro boletim desta temporada, emitido na semana passada, foi usado como referência e os resultados foram semelhantes ao boletim atual, o que pode ser alterado com o aumento do fluxo de veranistas”, explica a diretora de monitoramento ambiental e controle da poluição do IAP, Ivonete Chaves.

SINALIZAÇÃO – No Litoral, os veranistas podem acompanhar a qualidade das águas por intermédio de bandeiras instaladas na orla, em totens eletrônicos e outros serviços do Governo do Paraná. A bandeira de cor vermelha significa que a água está imprópria para banho nos 100 metros à esquerda e à direta da sinalização. A azul indica que a água possui bons índices e pode ser aproveitada pelos banhistas.

 

Deixe um comentário