Ilha dos Valadares recebe oficina para gestantes

Dentre outros temas, gestantes puderam tirar dúvidas sobre aleitamento materno e vacinação

por Redação JB Litoral
02/09/2013 00:00 (Última atualização: 02/09/2013)

NULL

A Igreja Nossa Senhora dos Navegantes, na Ilha dos Valadares, recebeu, na tarde de segunda-feira (02), a segunda edição da Oficina das Gestantes. O evento abordou temas importantes paras as futuras mães, tais como: aleitamento materno, mudanças físicas e psicológicas durante a gestação, cuidados com o recém-nascido e com a mãe no pós-parto (período puerpério) e a manutenção da carteirinha de vacinação. 

Cerca de 50 gestantes da Ilha estiveram presentes para ouvir a palestra de abertura, realizada pelo do Dr. º Jhonny Aretes, com o tema “Aleitamento materno”. Estava presentes toda a equipe de médicos, enfermeiros, técnicos em enfermagem e agentes comunitários da unidade de saúde Rodrigo Gomes (Valadares). 

“Na Oficina, as mães são orientadas de forma prática a como se cuidar e cuidar do bebê antes do nascimento e, também, durante os primeiros meses de vida”, explica Ane Caroline, enfermeira do Programa Saúde da Família (PSF) do Posto de Saúde do Valadares.

A escolha da Ilha para realização da Oficina não é à toa. “O índice de gravidez é alto e, na maioria, são meninas jovens, que precisam de uma orientação sobre o recém-nascido”, comenta Jovane Sousa, supervisora do Posto de Saúde da Ilha dos Valadares, explicando que a atenção dada à gestante envolve o acompanhamento domiciliar dentro do Programa Saúde da Família (PSF). 
As futuras mães também podiam escrever suas dúvidas e pedir esclarecimento durante a palestra. 

Jeniffer Miranda de Oliveira, moradora da Ilha, foi uma das participantes. “Soube da oficina pela agente comunitária do posto e vim participar. Meu bebê nasce em outubro e é importante saber, por exemplo, que o tipo de mamilo não interfere na amamentação. Também foi importante saber direito o calendário de vacinação”, ressaltou. 

A Oficina de Gestantes é promovida pela Prefeitura Municipal de Paranaguá, por meio da Secretaria de Saúde. 

Deixe um comentário