Iniciado em fevereiro de 2017, restauro da Estação Ferroviária foi concluído neste mês

por Luiza Rampelotti
06/06/2020 22:08 (Última atualização: 06/06/2020)

Prédio atual da Estação Ferroviária é datado de 1922. Foto: Prefeitura de Paranaguá

Iniciada em fevereiro de 2017, a restauração da Estação Ferroviária de Paranaguá foi concluída neste mês. Na sexta-feira (05), aconteceu a reinauguração do local e, devido à pandemia do coronavírus, não foi aberta ao público.

A atual Estação Ferroviária já tem 98 anos, foi inaugurada em 1922 a fim de substituir a antiga estação, inaugurada em 1885. Por ela, chegavam nos trens os passageiros que vinham de Curitiba para visitar as paisagens da descida da Serra do Mar, até meados de 2011, quando o trem passou a seguir somente até Morretes.

Em 2004, a Estação passou por uma reforma que teve sua obra concluída em 2006. Porém, em 2015, estava em completo estado de abandono, com o telhado caído, vigas se rompendo, fachada suja, sem portas e janelas, correndo o risco de desabamento, e recebeu ordem judicial para a prefeitura a reestruturasse.

Prevista para ser concluída em 240 dias, a contar de fevereiro de 2017, a obra sofreu ainda mais atrasos após a empresa responsável pela reestruturação, Pires Giovanetti Guardia Engenharia e Arquitetura, ter abandonado o trabalho, em fevereiro de 2018, depois de ter recebido mais de R$ 1.1 milhão para os reparos, deixando concluído apenas o telhado e parte do muro.

CONTINUA DEPOIS DO ANÚNCIO

Para a conclusão do restauro, o investimento total foi de R$ 2.2 milhões, de acordo com a prefeitura.

O secretário de Estado de Desenvolvimento Sustentável e Turismo, Márcio Nunes, compareceu à cerimônia de inauguração. Para ele, a reinauguração é um “momento importante”. “O governo do Estado está tendo um olhar diferenciado para o litoral, em especial para Paranaguá, porque temos certeza que o crescimento da região e do município são de vital importância para o Brasil”, disse.

Acompanhe mais informações sobre a reinauguração da Estação Ferroviária de Paranaguá na edição impressa do JB Litoral, disponível nas bancas e, durante a pandemia, gratuitamente no site www.jblitoral.com.br, a partir de segunda-feira (08).