John Lineker agradeceu rival que aceitou lutar no UFC/SP, após fuga de oponentes

por Redação JB Litoral
08/10/2017 11:03 (Última atualização: 08/10/2017)

John Lineker, o “Mão de Pedra”, como é conhecido, é um ídolo para toda a população de Paranaguá há muito tempo, no entanto, seu desempenho no Ultimate Fighting Championship (UFC) nos últimos anos, com vitórias, nocautes e desempenhos excelentes mesmo em derrotas, o alçou a ídolo em todo o Brasil no cenário do Mixes Martial Arts (MMA). Seu excelente desempenho gerou medo dos adversários. Uma prova disto é que, após dez meses longe do octógono, Lineker voltará à ativa no próximo dia 28 de outubro, no card principal do UFC São Paulo, lutando contra Marlon “Chito” Vera do Equador, após recusas de outros lutadores que “fugiram” do Mão de Pedra em outros eventos.

John Lineker agradeceu rival que aceitou lutar no UFC/SP, após fuga de oponentes 2

“Chito” Vera aceitou encarar o Mão de Pedra

Segundo Lineker, ele está aguardando o retorno aos octógonos desde julho deste ano, quando iniciou seu treinamento no MMA de forma efetiva, com 100% de esforço, após ter quebrado o maxilar em sua primeira derrota na categoria peso galo contra o americano TJ Dillashaw. Apesar do revés, o parnanguara foi muito elogiado pela raça que teve, visto que lutou com bravura todos os rounds com a mandíbula fraturada, perdendo o combate pela decisão dos juízes.

 

“Foi difícil ficar este tempo todo parado. Eu gosto de estar lutando, mas infelizmente tive de esperar. Agradeço a toda equipe do Chito Vera por terem aceitado. A maioria (dos atletas) recusou lutar comigo aqui”, contou Lineker, em entrevista ao Luta Livre, um site especializado em MMA. Segundo o parnanguara, foram vários os oponentes que “correram” de um confronto com ele. “Sei que uma meia dúzia não aceitou. Não sei o que foi, que desculpa deram”, brincou.

CONTINUA DEPOIS DO ANÚNCIO

 

Medo de encarar Lineker

O medo dos rivais fez Lineker até mesmo cogitar subir novamente à categoria dos moscas (57 kg), que ele abandonou em 2015, muitas vezes pela dificuldade na perda de peso, algo que fez ele optar por subir para a categoria galo, com até 61 kg. O campeão da categoria mosca, o americano Demetrious Johnson, estava em um impasse com o UFC para conseguir sua próxima luta, algo que fez Lineker cogitar junto ao seu empresário, Alex Davis, que ele baixasse o peso e lutasse pelo cinturão com ele. “Baixaria de peso para esta luta. Mas só faria se fosse a luta pelo título. Já mostrei dentro do UFC que seria capaz de enfrentá-lo, mas queriam que fizesse uma luta nos moscas de volta antes”, explicou Lineker.

“Quem sabe no futuro. Seria bom lutar com ele, fazer uma super luta. Parece que entram receosos quando lutam com ele. Comigo não ia ter isto, ia entrar pra cima dele”, finaliza o Mão de Pedra. John Lineker, que teve sua estreia no UFC em 2012, ganhou em 2014 o Troféu Imprensa, organizado pelo Jornal dos Bairros, como melhor esportista do Litoral. Atualmente ele é um dos principais lutadores de UFC do Brasil e mora, até hoje, em Paranaguá, com esposa e filhos.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments