Junta Comercial do Paraná libera uso do nome de mais de 32 mil empresas inativas

A parir de agora os nomes empresariais podem ser utilizados por novos empreendedores

por Redação JB Litoral
19/11/2014 18:00 (Última atualização: 19/11/2014)

NULL

A Junta Comercial do Paraná (Jucepar) disponibiliza para uso a razão social de 32.174 empresas que não atualizaram seus dados cadastrais ao longo dos últimos 10 anos e, a partir deste mês, estão enquadradas como inativas. A parir de agora os nomes empresariais podem ser utilizados por novos empreendedores.

Com a medida, o objetivo da Jucepar é atualizar a base de empresas ativas no Paraná. “Fizemos uma campanha de atualização de dados e as empresas que não se apresentaram serão baixadas. São empresas que provavelmente foram fechadas sem que o fim das atividades tenha sido comunicado à Junta Comercial”, explica o presidente da Jucepar, Ardisson Akel.

Para os novos empreendedores, a medida amplia as opções de escolha de nome. “Devido ao volume de novos negócios que surgem no Paraná, a expectativa é que fique cada vez mais difícil a escolha de um nome empresarial e, muitas vezes, o empresário tem que recorrer a uma segunda ou terceira opção de razão social”, observa Akel.

Anualmente, a Junta Comercial do Paraná realiza o processo de baixa das empresas que estão há 10 anos sem atualizar dados do registro empresarial. A medida é embasada no artigo 60 da lei 8.934/94.

O presidente da Jucepar ressalta a importância de comunicar à entidade informações como mudança de endereço, composição societária e capital social. “É fundamental que essas informações sejam comunicadas à Jucepar para evitar transtornos”, destaca Akel. Atualmente, o Paraná soma mais de 1 milhão de empresas em atividade.

Deixe um comentário