Núcleo PCTs realiza reunião com Diretor-Presidente da Copel sobre energia elétrica para pescadores do Superagui

0
45

Na última semana o coordenador do CAOP de Direitos Humanos, Olympio de Sá Sotto Maior Neto, e os Promotores de Justiça Mariana Dias Mariano e Rafael Moura participaram de reunião com Jonel Iurk, Diretor-Presidente da Copel.

A reunião foi mais uma etapa da mediação realizada pelo Ministério Público para a efetivação do direito fundamental à energia elétrica para os pescadores artesanais localizados na Ilha do Superagui, em Guaraqueçaba.

Desde o ano de 2013 diversas ações estão sendo conduzidas pelo Ministério Público do Estado do Paraná a fim garantir que tais comunidades tenham acesso à energia elétrica.

A falta de acesso a esse serviço público essencial deixa as comunidades de pescadores artesanais em situação de vulnerabilidade social, uma vez que inviabiliza, por exemplo, o armazenamento de pescado, afetando assim modo de vida tradicional da comunidade, componente do patrimônio cultural brasileiro e paranaense. 

Atualmente, tramita no IBAMA procedimento de licenciamento ambiental simplificado para fornecimento de energia elétrica a 8 comunidades tradicionais de pescadores artesanais de Guaraqueçaba.

- Publicidade -