Márcio da União leva seu projeto no Rede Cidadã em Shangri-lá

por Redação JB Litoral
25/09/2013 00:00 (Última atualização: 25/09/2013)

NULL

 Organização Social, sem fins lucrativos, a Rede Cidadã foi criada em 2002 com o objetivo de maximizar os recursos de investimento social disponíveis, de modo a integrar ações e iniciativas sociais, utilizando-se das ferramentas de gestão empresarial, fortalecendo as políticas públicas e o interesse público

Uma iniciativa da Capitania dos Portos do Paraná em parceria com a Justiça Federal do Paraná, Ministério do Meio Ambiente e INSS, a Rede Cidadã integra o programa “Capitania Itinerante”, desenvolvido com o propósito de promover maior integração com a comunidade, levando serviços prestado pela Capitania aos moradores de localidades.

Um dos parceiros da Rede Cidadã, o empresário do ramo de distribuição de água e gás Marcio José de Freitas do Nascimento, levou seu projeto das Lixeiras Ecológicas para o evento realizado dia 6 deste mês, na cidade no balneário de Shangri-lá, em Pontal do Paraná. 

Na oportunidade o empresário ressaltou a importância de difundir e multiplicar a educação ambiental em todo litoral e participou ativamente do evento que contou com a presença do capitão dos Portos da Capitania dos Portos do estado do Paraná, Francisco Dantas, das tenentes Renata e Liziane, sargento Fonseca, vários oficiais, apoiadores e parceiros.

As crianças e alunos da escola municipal Luiz Antonio Amatuzzi de Pinho, que sediou a Rede Cidadã, aprenderam de forma criativa e lúdica, como fazer a reciclagem e a importância da coleta seletiva. Elas ganharam ainda camisetas e lixeiras do projeto ao arrecadar lixo reciclado como forma de aprendizado.

Para o empresário que apresentou uma lixeira com um novo visual, iniciativas como esta fortalecem o sentido de cidadania e gera uma cultura ambiental muito forte nas crianças.

Deixe um comentário