PUBLICIDADE

Negacionismo, falta de empatia, falta de respeito e vergonha na cara… É grande o número de parnanguaras que ainda fazem pouco caso da Covid-19!

por Maximilian Santos max@tipcomm.com.br @maximilianjas
18/05/2020 09:00 (Última atualização: 1 semana atrás)

É assustador ver, em pleno ano de 2020, as pessoas na cidade que “negacionam” o grave problema da Covid-19, o novo coronavírus. O que mais vemos por aí são pessoas dizendo que o vírus é “uma armação”, outros dizem que não é “para tanto alarde”, alguns reclamando pela divulgação do número de mortos, até mesmo uns mais alienados que dizem que o vírus (de magnitude internacional) é uma estratégia para prejudicar o transloucado presidente (pensem!!). A falta de alinhamento do Governo Federal, com os governadores e prefeitos, bem como com a classe médica e científica, tem fomentado esse preocupante e irresponsável negacionismo na população e falta de atitudes corretas de prevenção. Enquanto governadores e prefeitos sofrem para minimizar os impactos, tanto sanitários como econômicos, por conta da pandemia, esse pedido politiqueiro e inconsequente da presidência pelo fim do isolamento social, que causou até a demissão de dois ministros da saúde que são médicos, fomentado pela ultradireita internacional que financia o governo (que nunca se preocupou com o povo), tem causado esse caos pelas ruas das cidades do Brasil.

***

Em Paranaguá, mesmo com quase 16 mil óbitos e 233.500 casos da doença no País, com dois (2) casos na última quinta-feira, cinco (5) na sexta-feira e mais dois (2) casos no sábado (dados até o fechamento da coluna), totalizando 40 casos confirmados no litoral paranaense e 4 óbitos (média de 10%), o povo ainda está nas ruas sem o uso de máscaras, onde podemos ver também várias aglomerações e muitos sem qualquer cuidado determinado. Na sexta-feira, a coluna passou de carro pelo Centro da cidade e viu vários comércios não seguindo as determinações. Essas pessoas não respeitam suas saúdes? Não amam seus pais? Seus filhos? Isso é falta de empatia, falta de respeito ao próximo e de vergonha na cara. E MUITOS ainda se dizem “CRISTÃOS”. Que Jesus Cristo é esse dessa gente? Acho que não entenderam o Evangelho!

***

Para piorar, ainda vemos uma história ABSURDA sobre um pastor evangélico, que recebe dinheiro público como assessor político de um vereador da base do prefeito, organizando uma festa infantil para aproximadamente 40 pessoas (postando nas redes sociais sem qualquer pingo de vergonha), em que o filho que esteve em viagem para o Nordeste estava presente de forma irresponsável, sendo suspeito de contaminação pela Covid-19. As pessoas presentes estão sendo submetidas aos testes e à quarentena! O assessor atestou positivo para o novo coronavírus. Mas a pergunta que fica… A Câmara de Vereadores não vai tomar atitude nenhuma com relação ao colaborador do vereador? A criatura irresponsável não será exonerada? Um cargo que recebe do nosso dinheiro público de contribuinte, desrespeita um decreto municipal e as ordens sanitárias e de emergência da cidade, colocando em risco a vida e a saúde da população, não vai ser afastado como exemplo? No mais, desejamos ótima recuperação para o pastor e de todas as pessoas próximas infectadas! Mas, queremos atitudes!

***

Durante a semana também viralizou um áudio do prefeito Marcelo Roque durante participação em uma rádio parceira da prefeitura. No áudio, de forma indignada e firme, Marcelo reclama da falta de responsabilidade de boa parte da população e critica a atitude do assessor do vereador. Aplaudimos em pé tudo o que o prefeito falou no áudio e deixamos aqui o nosso parabéns pelo posicionamento. Mas também perguntamos… quais atitudes estão sendo tomadas contra essas pessoas? O novo decreto ajudará na conscientização da população? Não precisamos de atitudes mais firmes, como ditas no áudio? Segundo o prefeito, fecharemos o mês de maio com 50 casos na cidade. A situação é GRAVE E MUITO DELICADA.

Atitudes conscientes e de amor durante a Covid-19

Enquanto boa parte da população se mantém irresponsável e inconsequente em atitudes de prevenção ao Covid-19, muitas pessoas na cidade estão tomando as medidas necessárias e demonstrando todo o amor, respeito, empatia, noção e cuidados com quem amam. Amigos e familiares de Neto e Rosane Temporão organizaram uma “Chárreata” para a chegada da Martina, segunda filha do casal. Na segurança e no isolamento de seus carros decorados, passaram na frente da residência da família em um “Chá de Bebê” inovador e cheio de amor. A família de Ismail Mourad também organizou uma carreata linda de parabéns para seu filho Hadi, que completou mais um ano de vida. Nas duas ações, além dos cuidados com a Covid-19, a emoção tomou conta de todos de forma muito linda!

PSL de Paranaguá já conta com dois escândalos

O PSL – Partido Social Liberal, dentro de seu diretório em Paranaguá, já conta com dois escândalos de seus filiados em menos de 1 mês. O primeiro foi o áudio do vereador Nagel falando sobre a distribuição de cargos comissionados em troca de apoio, fato indecoroso e imoral que nem a prefeitura e nem o Porto se manifestaram. O segundo é do vereador Edu, que foi condenado a cumprir sete anos de reclusão em semiaberto, por falsidade ideológica. Edu, filiado ao partido, também foi condenado à perda do mandato eletivo e do cargo público na Receita Federal. Com isso o PSL mostra que seu discurso “liberal” e de “nova política” não passa de balela fajuta.

Parabéns para o movimento “Abraço na Estação Ferroviária”

A Prefeitura de Paranaguá anunciou a entrega das obras da Estação Ferroviária para o próximo mês. Mas é importante não esquecermos daqueles que lutaram por essa entrega, o movimento “Abraço na Estação Ferroviária”, em janeiro de 2015, onde mais de 300 pessoas participaram do ato. Além de cidadãos, empresários e formadores de opinião, ajudaram no ato os professores Junior Wistuba, Valdo Cavallet, Hermes Goldenstein, o fotógrafo Jorge Fugita, entre outros. Entre os políticos presentes, que incentivaram na época, estavam os então vereadores Adalberto Araújo, o pré-candidato a prefeito Adriano Ramos e Laryssa Castilho. Se não fossem essas pessoas, seria bem provável que não teríamos a Estação Ferroviária como vemos hoje. Nossos parabéns e obrigado a todos!

Téti a Téti com Everton… ops… com Hillary Banks

Quem estreou um programa na rádio Litoral Sul FM foi o humorista, ator, professor de passarela e radialista Everton Abreu, com a sua principal personagem Hilary Banks. O “Téti a Téti” vai ao ar todos os sábados, às 15 horas, seguindo a tendência de drag queens na comunicação, como Pabllo Vittar, Rita Von Hunty e Gloria Groove. Hillary é a primeira drag queen a ter seu próprio programa no litoral paranaense. Escutei neste final de semana e deixo aqui meus parabéns para esse multifacetário artista, que a cada dia evolui o seu trabalho. Deixo aqui também meus parabéns para Ciro Gimenes pela visão e por esse necessário espaço para a cidade.