Destaques

Em projeto da PASA, alunos cultivam horta e usam alimentos na merenda e em casa

Ultima Atualização: 04.09.2019 às 14:04:10
Escola_Pasa-76.jpg

Em seu segundo ano, o projeto Horta Comunitária Escolar, parceria da PASA – Paraná Operações Portuárias S/A e a Secretaria Municipal de Agricultura e Pesca de Paranaguá, tem gerado frutos deliciosos aos alunos da Escola Municipal Randolfo Arzua, na Vila Becker, proximidade do entorno da empresa. A horta é cuidada pelos estudantes do 4º e 5º ano da escola, que plantam couve-manteiga, rúcula, alface, alface crespa, salsinha e cebolinha.


Aproximadamente 15 educandos participam, diretamente, do projeto desde sua fase inicial, com o preparo da terra, plantio, cultivo e colheita. Além disto, outras 60 crianças são beneficiadas indiretamente, uma vez que utilizam do alimento na merenda escolar e, também, o levam para casa. “Eles veem o surgimento da plantinha, pois parte deles o cuidado na manutenção. A preocupação ambiental passa a fazer parte de seu cotidiano e isto é muito importante”, explica a Professora Rosiane Tarran Bittencourt.



As verduras são aproveitadas tanto para atender à necessidade dos alunos como para compartilhar com suas famílias de uma salada fresquinha e produzida por eles mesmos. “A gente arruma a horta, limpa tudo, ajuda a professora e daí cada vez cresce mais e a gente come. A salada fica muito gostosa e a gente também leva para casa. Minha mãe fica alegre porque agora que eu aprendi, também quero fazer em casa”, conta a aluna do 5º ano, Nicole Souza Lopes, de nove anos. “Este projeto cria nos alunos o sentimento de responsabilidade, de cuidado, faz com que eles mesmos tenham esta preocupação com as plantas e a alimentação. Eles sentem orgulho ao chegar em casa e dizer: mãe, nós que plantamos, cuidados e colhemos”, diz a professora.


Professora Rosiana e os alunos que cultivam a horta. Foto/Felipe Luiz Alves/JB Litoral


Responsabilidade Socioambiental


De acordo com o Supervisor de Segurança e Meio Ambiente da PASA, José Antônio dos Santos Júnior, o projeto atende às premissas de responsabilidade socioambiental da empresa, que têm o objetivo de auxiliar a comunidade ao entorno e o município. “Nosso intuito é incentivar as crianças a desenvolverem atividades voltadas ao meio ambiental, como plantio e manejo da horta, mas, também, vislumbrando o lado social, entendendo a importância do retorno dos produtos plantados, que são utilizados na escola e em casa”, declara.


Com a horta comunitária, a PASA pretende inserir no contexto dos alunos e da comunidade a importância do cultivo de alimentos naturais sem agrotóxicos. “Isto incentiva os estudantes a compreenderem que a questão ambiental pode começar com boas práticas sustentáveis que colaboram com o meio social”, conclui José Antônio.


 

Comentários