Porto de Paranaguá

Projetos sociais apoiados pela Cattalini Terminais Marítimos valorizam desenvolvimento de jovens e crianças

Projetos sociais apoiados pela Cattalini Terminais Marítimos valorizam desenvolvimento de jovens e crianças

Moradores dos bairros próximos à Cattalini Terminais Marítimos lotaram o auditório da empresa no final de setembro para conhecer os projetos que integram o Programa de Responsabilidade Socioambiental. Na oportunidade representantes de algumas das instituições apoiadas falaram sobre a importância da parceria com a Cattalini, por meio de ações que incentivam a preservação ao meio ambiente, cultura, saúde, educação, bem-estar e esporte.

“Quando buscamos o apoio da empresa imediatamente fomos atendidos e hoje temos projetos em conjunto que beneficiam a escola e, principalmente, nossos alunos, porque está ajudando a formar o futuro desses estudantes”, declarou o diretor do Colégio Estadual “Bento Munhoz da Rocha Neto”, Everton Vieira Borges. No colégio, a Cattalini oferece, em parceria com o Senai, bolsas de estudos para cursos técnicos e auxilia na manutenção do prédio, com doação de materiais.

O projeto social “Leões do Futuro” também é apoiado pela Cattalini Terminais Marítimos. No total, cerca de 500 crianças e jovens de 08 a 14 anos participam da prática do futebol e de outras atividades esportivas e educacionais. “Com o apoio da Cattalini conseguiremos ampliar o número de jovens atendidos em mais bairros. O mais importante do projeto é desenvolver habilidades que vão além dos gramados e quadras de futebol, como a cidadania, o respeito e a disciplina”, frisou o coordenador do “Leões do Futuro”, Márcio Queiroz.

 

Capoeira
 

Outro projeto que tem apresentado resultados importantes é o “Capoeira nas Escolas”, realizado em parceria com o grupo Abadá-Capoeira. No início, participavam os alunos das escolas municipais “Randolfo Arzua” e “Presidente Costa e Silva”. Atualmente, a escola do “Amparo” também integram a iniciativa, com cerca de 90 crianças atendidas. Para 2019, o Colégio Estadual “Bento Munhoz da Rocha Neto” também se unirá ao projeto.

 

“Antes só tínhamos a educação física de um modo precário num campinho. Hoje as aulas de capoeira são orientadas e promovem maior atenção e disciplina entre os alunos. Para nós essa parceria é muito importante e eu sei que ainda crescerá, trazendo mais projetos importantes para nossos alunos”, disse a responsável pela Escola Municipal do Campo “Amparo”, professora Luciana Bonafini.

 

Novos projetos
 

Entidades interessadas em fazer parte do Programa de Responsabilidade Socioambiental da Cattalini podem inscrever seus projetos diretamente no site da empresa, no link Institucional/Responsabilidade Socioambiental. No site será possível conhecer os critérios para admissão e preencher o formulário para cadastro.

 

 

 

 

Fonte: Cattalini Terminais Marítimos/Assessoria de Comunicação