Paranaguá Motos bate novo recorde de público em 2016

por Redação JB Litoral
14/08/2016 20:13 (Última atualização: 14/08/2016)

NULL

Considerado o maior encontro de motociclistas do sul do país, a décima sétima edição do Paranaguá Motos aconteceu entre os dias 05 e 07 de agosto na Praça de Eventos Mário Roque, no Centro Histórico. De acordo com a Prefeitura de Paranaguá o evento, em 2016, bateu novos recordes.

Com data já previamente estabelecida – no final de semana posterior ao evento de aniversário da cidade – o Paranaguá Motos, neste ano, de acordo com a assessoria de comunicação da administração municipal, reuniu cerca de 90 mil pessoas nos três dias do evento, que apreciaram shows de rock and roll, apresentações de manobras radicais, globo da morte, shows pirotécnicos e o maior triciclo do mundo, que este ano marcou presença na festa.

Organizado pelo Moto Clube Robalos Rebeldes, o evento também contou com o apoio da Prefeitura de Paranaguá, por meio da Fundação Municipal de Turismo, que disponibilizou as estruturas físicas de pirâmides, sonorização, iluminação e sanitários químicos, além de serviços de apoio prestados pelas Secretarias de Segurança, Saúde, Serviços Urbanos, Obras Públicas e Meio Ambiente.

De acordo com estimativa da administração municipal, cerca de 90% da rede hoteleira do município ficou preenchida entre os dias 05 e 07 de agosto. Bares, restaurantes e comércio em geral também registraram aumento significativo nas vendas nestes dias.

Para Geraldo Taques, integrante do Robalos Rebeldes e um dos organizadores, o evento superou expectativas. “Registramos a presença de 352 motos clubes e 12 mil motocicletas de todas as regiões do país e também de outros pontos da América do Sul, como Chile e Argentina. O tempo colaborou, houve apoio por parte do poder público e os parnanguaras compareceram em massa. Tudo isto prova a relevância do evento, que a cada ano cai ainda mais no gosto das pessoas. Trabalhamos sempre para a satisfação de todos”, comenta.

O Paranaguá Motos encerrou a série de festividades típicas entre os meses de junho e agosto na Praça Mário Roque. Anteriormente, o local havia sido palco da Feira das Nações e da Festa Nacional da Tainha.

 

Deixe um comentário