Usina Hidrelétrica Baixo Iguaçu poderá receber o nome de ‘Deputado Caíto Quintana’

Projeto de Lei para denominação foi apresentado pelo deputado Anibelli Neto na Assembleia Legislativa na terça-feira, 5, e aprovado para seguir tramitando

0
20
Proposta pretende homenagear deputado estadual por oito mandatos que atuou em prol da construção da usina e de demandas para população paranaense (Foto Sandro Nascimento / Alep)

Nesta terça-feira, 5, foi apresentado na Assembleia Legislativa do Paraná (Alep) um Projeto de Lei que pretende denominar a Usina Hidrelétrica de Baixo Iguaçu, localizada entre os municípios de Capanema e Capitão Leônidas Marques, no sudoeste do Paraná, de “Deputado Caíto Quintana“. A proposta foi apresentada pelo deputado estadual Anibelli Neto, correligionário de longa data do deputado Caíto no Movimento Democrático Brasileiro (MDB) do Paraná, e recebeu o apoio de diversos parlamentares.

O projeto foi lido no expediente da Alep, aonde foi concedido apoio para que prossiga tramitando na Casa Legislativa e para que posteriormente possa ser posto em votação no Plenário. A usina, que está localizada no município de Capanema e focará a produção de energia elétrica para o Paraná, está 99% concluída e sua construção e funcionamento está sendo implementada pela Companhia Paranaense de Energia Elétrica (Copel) e a empresa Neoenergia neste início de 2019. A hidrelétrica é a sexta e última a ser construída no rio Iguaçu, o maior do Paraná, com potência instalada de 350,2 MW e 16 comportas.

Em informações divulgadas por sua assessoria, o deputado Anibelli Neto justificou a homenagem destacando que Caíto Quintana foi um nome histórico do MDB e um dos políticos paranaenses que mais lutou pela implantação e construção da Usina Hidrelétrica Baixo Iguaçu. Sendo assim, de acordo com a liderança do MDB, dar o nome de Caíto à usina “é um justo reconhecimento a uma pessoa que sempre lutou e se dedicou em benefício da população paranaense”, diz o parlamentar.

História de Caíto Quintana e Luta pela Usina no Sudoeste

Caíto Quintana foi deputado estadual por oito mandatos na Assembleia Legislativa, sendo também chefe da Casa Civil no Governo do Estado e relator da Constituinte Estadual, atuando em inúmeras demandas em prol da população do Sudoeste e de todo o Paraná. Formado em Direito e advogado, foi tabelião em Planalto – PR, aonde se elegeu vereador em 1972 e deputado estadual em 1982 pela primeira vez. Natural de em Santo Augusto – RS, Luiz Carlos Caíto Quintana era filho de Daindo Bueno Quintana e Nadir Terezinha Fucillini Quintana. Ele faleceu no último dia 13 de janeiro de 2019 em Balneário Camboriú – SC.

Por décadas Quintana foi defensor da usina de Baixo Iguaçu contando com o apoio de diversas lideranças políticas do sudoeste, sendo que em 2013, quando foi autorizado o início da construção do empreendimento, afirmou no plenário da Assembleia, quando ainda era deputado, que chegava ao fim a sua batalha em prol da implantação da hidrelétrica. “Sinto-me recompensado pela luta”, disse na época. Além disso, Caíto destacou que o empreendimento, que contou com um investimento estimado em R$ 1,6 bilhão, traria avanços econômicos e sociais para a população do sudoeste, com vinda de bilhões em recursos e em royalties para os municípios da região.

Fonte: Leonardo Quintana Bernardi

Maristela Quintana Bernardi – irmã

Foi Chefe do Núcleo Regional de Educação de Paranaguá nas duas gestões de Roberto Requião (MDB), 2005 a 2012. Suas conquistas no mandato:
Ensino médio no Cidália Rebello Gomes na Ilha dos Valadares;
Ensino fundamental nas comunidades pesqueiras do litoral;
Construções do Colégio Porto seguro, coberturas de quadras na maioria dos colégios do estado;
Ampliação e criação de novos EJAs – Ensino de Jovens e Adultos.

Comentários e Opiniões

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here