Prefeito discute detalhes finais de obras na Rua da Praia com Taniguchi

Reunião com técnicos do Governo Estadual definiu os detalhes finais do projeto. Aquário e novo Mercado do Peixe devem ter obras iniciadas em breve.

por Redação JB Litoral
13/09/2013 00:00 (Última atualização: 13/09/2013)

NULL

O prefeito de Paranaguá, Edison de Oliveira Kersten, participou, na tarde de quarta-feira (11), em Curitiba, de reunião oficial com o secretário estadual de Planejamento e Coordenação Geral do Paraná, Cássio Taniguchi, para discutir os detalhes técnicos das obras do “Projeto Rua da Praia”. O projeto inclui três etapas: alargamento de um trecho e revitalização de outro na Rua da Praia, obras arquitetônicas do entorno do aquário municipal, com a construção da Estação Náutica e a revitalização da área do Novo Mercado do Peixe até o Centro Gastronômico da Praça do Guincho, conjunto de intervenções urbanas que deve potencializar o turismo na região do Centro Histórico da cidade.

O encontro, além do prefeito e do secretário estadual de Planejamento e Coordenação Geral, contou com a participação da secretária municipal de Urbanismo e Gestão Fundiária, Débora Temporão de Aguiar Ramos, a secretária de Planejamento, Orçamento e Gestão, Rita Abe, do superintendente da EcoParaná, Juliano Borghetti, e técnicos dos órgãos municipais e estaduais.

O prefeito de Paranaguá, Edison de Oliveira Kersten, comentou que a reunião reforça o apoio do Governo do Estado aos projetos turísticos da cidade. “Temos uma excelente relação com o Governo Estadual, que tem entendido e apoiado os projetos urbanísticos e turísticos no litoral do Paraná”, finaliza.

Segundo Rita Abe, o projeto para as obras do entorno do Aquário Marinho e do novo Mercado do Peixe está em fase final e as obras devem começar em breve. “Discutimos detalhes do projeto do entorno do Aquário e novo Mercado do Peixe, que já têm verba aprovada”, explicou.

Parceria

De acordo com a secretária Rita, o projeto será realizado em parceria com o Governo do Estado. “Da Estação Náutica até o Mercado do Artesanato, o projeto arquitetônico será custeado pelo município. Até a Praça do Guincho o investimento será do Governo do Estadual e EcoParaná”, explica a secretária. “O projeto delimita, entre outras coisas, a previsão de custo das obras e não há como pleitear recursos junto aos órgãos federais e estaduais sem essa previsão”, explicou.

Barcos

A administração municipal incluiu nas discussões do “Projeto Rua da Praia” a regulamentação dos barcos de passeio turístico e do transporte de passageiros que atracam nos trapiches ao longo da via. A intenção é assegurar que o serviço tenha a qualidade e segurança exigidas pelos turistas e pelos órgãos fiscalizadores. Adicionalmente, a medida visa assegurar que os serviços sejam oferecidos por barqueiros da cidade, com geração de emprego e renda.

Deixe um comentário