Prefeitura toma medidas para restaurar Estação Ferroviária com recursos federais

Recurso de R$ 1,3 milhão já está liberado. Projeto estrutural está sendo elaborado. Licitação para início da obra está prevista para março

por Redação JB Litoral
07/01/2015 16:00 (Última atualização: 07/01/2015)

NULL

A Prefeitura de Paranaguá está envidando todos os esforços e tomando as providências necessárias para revitalizar a Estação Ferroviária, patrimônio cultural e ponto turístico da cidade, com recursos do Governo Federal, via Ministério do Turismo (MTur). Em novembro, a Prefeitura contratou emergencialmente uma empresa especializada para fazer o projeto estruturado de madeira do piso, forro e do telhado, que desabou em agosto de 2014.

O local foi interditado pela Defesa Civil há alguns meses por apresentar riscos.

O recurso total para a restauração é de R$ 1,8 milhão e já está garantido. Inicialmente, o recurso previsto era de R$ 1,3 milhão, valor que foi aumentado para R$ 1,8 milhão após visita do presidente da Fundação Municipal de Turismo (Fumtur), Rafael Guttierres Júnior, ao Ministério do Turismo em dezembro.

De acordo com a Secretaria Municipal de Planejamento, com os projetos prontos, o início do processo de licitação da obra de restauro da Estação Ferroviária está previsto para março deste ano.

O presidente da Fundação Municipal de Turismo, Rafael Guttierres Júnior, destacou a importância da Estação Ferroviária para o contexto turístico local. Ele, juntamente com o prefeito Edison Kersten, buscam meios para viabilizar os recursos necessários para que a recuperação ocorra o quanto antes.

“Pela relevância turística da Estação, conseguir os recursos necessários para sua recuperação é algo imperativo para Paranaguá e o pedido para tratar o tema como prioridade é do próprio prefeito Edison“, salienta Guttierrez.

Assim que houve o desabamento, o prefeito Edison, preocupado com a segurança, chamou o superintendente do Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional) no Paraná, José La Pastina Filho, para solicitar medidas emergenciais para recuperação do prédio.

Histórico

A Estação Ferroviária de Paranaguá está sem receber reparos há vários anos. Entenda as últimas ações realizadas no prédio.

2011 Contratação, pelo IPHAN, de empresa para realizar projeto de restauro da Estação.

2013 – Prefeitura cadastra no sistema do Ministério do Turismo (MTur) a solicitação de recursos para realizar o restauro do prédio. O pedido não foi contemplado pelo Governo Federal.

2014março: novamente, realiza-se o cadastro da solicitação de recursos junto ao MTur para a obra de restauro.

2014 – desabamento de parte do telhado.

2014 – outubro: o MTur libera recurso de R$ 1,3 milhão para a obra.

2014 – contratação emergencial do projeto estrutural de madeira do telhado, forro e piso da Estação. Projeto entregue antes do final do ano.

2014 – dezembro: O MTur fez um aporte de mais R$ 500 mil para a obra, após visita do presidente da Fumtur, Rafael Guttierres Júnior.

2015 – janeiro: contratação de empresa para para adequação, compatibilização e atualização do projeto de restauro e orçamento de 2011, orçamento e projeto estrutural de madeira do telhado, forro e piso de 2014.

2015 – março/abril: início previsto do processo de licitação da obra de restauro da Estação.

 

Veja Também

Recurso de R$ 1,3 milhão para recuperação da Estação Ferroviária já está liberado

Deixe um comentário