Semsa começa a distribuição da ivermectina na Ilha dos Valadares a partir desta sexta-feira (31)

por Redação JB Litoral
31/07/2020 09:40 (Última atualização: 31/07/2020)

A ação ocorre das 8h às 18h com distribuição de senhas até às 16h tanto na sexta-feira (31) como no sábado (1.º)

A Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) vai descentralizar o atendimento para a distribuição do medicamento ivermectina, que antes era feito somente na Arena Albertina Salmon e no Ginásio João Hélio Alves, e a partir desta sexta-feira (31) ocorrerá também na Praça Ciro Abalém, na Ilha dos Valadares.

A finalidade é deixar o atendimento mais acessível a toda a população, e com isso oferecer a oportunidade para que todos tenham a chance de receber o remédio. O cidadão que desejar receber o medicamento passará por um cadastro, uma triagem com a equipe de profissionais de saúde da própria secretaria e, por fim, levar para casa a Ivermectina com a prescrição médica.


A ação ocorre das 8h às 18h com distribuição de senhas até às 16h tanto na sexta-feira (31) como no sábado (1.º). Para receber o medicamento, é necessário adotar os mesmos critérios já requisitados em outras distribuições como portar documento de identidade, CPF, comprovante de residência e cartão SUS. A faixa etária atingida nesta etapa será as pessoas com idade a partir dos 20 anos ou com doenças pré-existentes comprovadas por declaração ou atestado médico.


De acordo com a Semsa, estudos in vitro mostram que a Ivermectina inibi a replicação do vírus, por isso, acredita-se que possa reduzir os efeitos mais agravados da doença. Contudo, reafirma que não há ainda uma vacina ou medicamento que cure o paciente ou evite a transmissão da doença. Medidas de isolamento e distanciamento social, a utilização de máscara e higienização especialmente das mãos devem ser mantidas.

Deixe um comentário