Suspeitos são presos após arremesso de celular no telhado da delegacia

por Redação JB Litoral
08/12/2018 00:00 (Última atualização: 08/12/2018)

Dois homens foram presos, na última terça-feira, 4, depois que um deles foi flagrado arremessando um telefone celular no telhado da 1.ª Subdivisão Policial de Paranaguá. Na abordagem, ainda foi encontrado outro aparelho celular com os suspeitos.

Tudo começou por volta das 10 horas, quando uma equipe do Setor de Investigação da 1.ª SDP, que estava saindo da delegacia, avistou um homem jogando um objeto por cima do muro da unidade policial. De imediato os policiais foram atrás do suspeito, o qual saiu correndo em direção a Praça da Paz, que fica nos fundos da delegacia, onde outro suspeito estava esperando em uma motocicleta.

Em seguida os policiais fizeram a abordagem e encontraram com o primeiro indivíduo, de 34 anos, um aparelho celular novo e ainda na caixa, além de cartão telefonia móvel, dois isqueiros e um rolo de fita adesiva. Ao ser questionado sobre sua atitude, o suspeito admitiu que havia jogado outro aparelho celular e cigarros no telhado da delegacia, enquanto o condutor da moto, de 24 anos, afirmou que estava dando apoio no delito.

Ao retornaram à delegacia, os policiais encontraram, no telhado, próximo ao setor de carceragem, três pacotes de fumo, duas carteiras de cigarros e um aparelho celular com carregador, além de outro cartão de telefonia móvel e dois isqueiros. Na verificação da identidade dos suspeitos, foi constatado que um deles já tinha passagens pela polícia.

 

CRIME

CONTINUA DEPOIS DO ANÚNCIO

 

Os dois homens, que tem endereço no Jardim Iguaçu e Vila Guarani, foram enquadrados no artigo 349-A do Código Penal Brasileiro, que trata do crime de ingressar, promover, intermediar, auxiliar ou facilitar a entrada de aparelho telefônico, de comunicação móvel, de rádio ou similar, sem autorização legal, em estabelecimento prisional é crime. A pena é a detenção, e o tempo de cumprimento de pena é de três meses a um ano.

Atualmente, mais de 140 detentos estão recolhidas no setor de carceragem da 1.ª Subdivisão Policial de Paranaguá.

 

Suspeitos são presos após arremesso  de celular no telhado da delegacia 2

Deixe um comentário