Zeca Dirceu discute melhorias para Porto de Paranaguá

por Redação JB Litoral
30/08/2013 00:00 (Última atualização: 30/08/2013)

NULL

O deputado federal Zeca Dirceu esteve nesta sexta-feira (30), no Porto de Paranaguá, para realizar uma visita ao local, como trabalho da Comissão da Viação e Transportes da Câmara dos deputados. O secretário de infraestrutura e logística do Paraná, José Richa Filho, o superintendente dos portos paranaenses, Luiz Henrique Dividino e os diretores da Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (Appa), acompanharam visita.

No encontro, o parlamentar explicou que a comissão está iniciando uma série de visitas técnicas aos portos brasileiros para averiguar a situação de cada terminal. “Começamos este trabalho em 2011. No entanto, com a mudança do marco regulatório do setor, resolvemos retomar as atividades. Estive em Paranaguá naquela primeira visita, e hoje já posso verificar uma grande diferença. Temos um porto com um planejamento mais claro, que possui um diagnóstico mais preciso das suas potencialidades e deficiências”, afirmou o deputado, que também destacou o trabalho da ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffman, que coordena todo o plano nacional de investimentos do Governo Federal, em logística de rodovias, portos e aeroportos.

Pela manhã, a comissão assistiu uma apresentação realizada pela Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina – APPA, com os  principais projetos, demandas e desafios futuros do local. Logo depois, o grupo fez uma visita técnica no cais no porto de Paranaguá.

O secretário de infraestrutura e logística solicitou ao deputado um empenho especial para que as demandas dos portos paranaenses sejam priorizadas nas discussões em Brasília. Zeca Dirceu garantiu apoio ao Porto de Paranaguá. “O texto inicial da MP dos Portos não permitia a participação das administrações locais no processo, mas o congresso conseguiu inserir esta mudança. Se há esta possibilidade, nós da comissão, trabalharemos na interlocução política. Vamos discutir com o Governo Federal para que os portos paranaenses não sejam só ouvidos, mas que participem do processo como um todo”, finalizou o deputado.

O sistema de dragagem do Porto de Paranaguá permitirá o aprofundamento dos canais de acesso aos terminais, capacitando-os a receber navios de maior porte, aumentando a competitividade e a capacidade de movimentação de cargas. Ao todo, serão realizados investimentos de cerca de R$ 7,5 bilhões em portos em todo o país.

No Paraná a dragagem de aprofundamento, do Canal da Galheta, que dá acesso aos portos de Paranaguá e Antonina, será custeada com recursos federais através do PAC 1, no valor de 53 milhões de reais.

 

Deixe um comentário